A frase que mais ouvimos lá em casa das nossas adolescentes é “Nunca mais chegam as férias”… Em vossas casas, também é assim? Acredito que sim!

Quem tem adolescentes, sabe bem do que falo. Nós também já fomos adolescentes e bem sabemos, o quanto aguardávamos pelas “férias grandes”… Tínhamos trabalhos, estudo etc., mas dá-me ideia que nada era tão pesado como é agora.

Reconheço isso, que os miúdos agora têm muito trabalho mesmo, mas também sei que a vida evoluiu e se complicou, e que as exigências para um futuro melhor também aumentaram. Então, há que começar a ser exigente desde cedo, na escola.
Eles não gostam. Pois não… mas tem de ser.

Depois há ainda as actividades extracurriculares, que se por um lado descontraem e ajudam a libertar as energias, por outro também ocupam mais tempo. Mas já diz o velho ditado “quem corre por gosto não cansa”. Então, há que gerir tudo ao minuto para os estudos estarem sempre em dia.

Não sei como é com vocês, mas as nossas filhas estão realmente com o tempo muito ocupado e reconheço que o cansaço por vezes apodera-se mesmo delas.

Serão os adolescentes de hoje sujeitos a uma pressão exagerada? Ou como a vida está, terá mesmo de ser assim…?

Não sei o que o futuro me reserva, mas para já, são duas miúdas impecáveis, boas alunas, responsáveis e que só me deixam orgulhoso. Gerem bem o seu tempo, mas pouco sobra. E às vezes custa porque queriam estar mais tempo de volta do nosso pequenote, mas o dever chama-as.

Ainda para mais, este ano, que foram convidadas para ser catequistas, o que muito nos orgulhou, têm ainda mais uma tarde ocupada com esta responsabilidade.

Não admira que volta e meia lá se ouça pela casa “nunca mais chegam as férias”. E ainda agora começou o segundo período escolar… Calma, filhas! Está quase…

Os vossos adolescentes também andam assim cansados e a contar os dias para as férias?