Vimos partir mais uma figura incontornável da história do entretenimento português. O Camilo de Oliveira deixou-nos aos 91 anos, com a certeza de que nunca nos iremos esquecer dele.

Este tem sido um ano muito triste, vimos partir artistas que marcaram o mundo onde trabalhamos todos os dias: a televisão. Mas, acima de tudo, vimos partir pessoas de bem, pessoas que nos vão fazer muita falta. Falo do Nicolau Breyner, do Francisco Nicholson e, agora, do Camilo de Oliveira.

É de louvar o percurso que o Camilo fez durante toda a sua vida. Durante os seus mais de 70 anos de carreira fez-nos chorar de rir tantas e tantas vezes, que hoje acho que o melhor tributo que lhe podemos prestar é continuarmos a manter o humor, sempre.

Um dia, Camilo disse numa entrevista que gostava que nos lembrássemos dele. Eu pergunto: Como é que nos poderíamos esquecer?

Até sempre, Camilo de Oliveira.

Fotografia: Arquivo DN

Leiam também: