Socorro! Já não me lembro como isto se faz!

Há uns dias vim aqui dar-vos uma grande notícia! Vou ser pai outra vez e acho que ainda não estou bem em mim com esta notícia. Cá em casa o clima é de euforia. Andamos todos a pensar se é desta que equilibramos a quota de homens na família ou se vamos ter mais uma menina!

Por mais vezes que sejamos pais nunca nos habituamos realmente à emoção que é saber que temos mais um bebé a caminho. É um processo muito bonito, ver a barriga crescer, sentir os pontapés e começar a contar os dias para poder pegar no novo membro da família.

Ainda faltam alguns meses para o grande dia, mas já começo a sentir a ansiedade que todos os pais sentem! Por vezes dou por mim a pensar: “Socorro! Vou ter um bebé em casa outra vez e já não me lembro como se faz!”.

Quando a minha filha mais nova nasceu os tempos eram um bocadinho diferentes do que são agora e sinto que vou ter de reaprender a fazer tudo de novo. Aposto que já existem novos métodos para mudar as fraldas, para os embalar, para os vestir… E o que é isso das células estaminais? Será que a Filipa devia começar a fazer ioga para grávidas?

A lista de questões nunca acaba! Mas acho que é sempre assim. Quando somos responsáveis por um ser humano, tudo é relativo e ao mesmo tempo tudo ganha outra importância.

Os próximos meses vão ser uma viagem fantástica e atribulada.

Conto com a vossa companhia, nesta nova rúbrica Pai depois dos 40 que inauguro hoje!

Leiam também:

6 comentários em “Socorro! Já não me lembro como isto se faz!

Vai ser como andar de bicicleta ou melhor ainda, deixe que o instinto o conduza, os filhos são todos diferentes daí não se poder programa!

Nunca se esquece… Eu tenho 41 anos e fui mãe pela terceira vez à seis meses atrás… Os mais velhos já têm 16 (feitos hoje) e doze anos, mas é como se o tempo não tivesse passado! É um reviver de emoções muiiiito bom 🙂

Parabéns, Jorge. Um homem como tu, que tem sempre um jeitinho especial para as crianças, estou certo que o terá em dobro para mais um filhotinho. Jorge, com o devido respeito, não escrevas rúbrica, mas sim rubrica. Saudações amigas e leoninas também. Abraço.

Muitos parabéns! Um bebé é sempre uma bênção! Quanto à questão do “Como isto se faz…?”, também eu tive essa dúvida, que creio ser universal no primeiro ou no quarto filho. Apenas demonstra que é um pai preocupado e que pretende o melhor para os seus rebentos! E acredito que muitos pais irão segui-lo com regularidade, por sentirem alguém, da praça pública, com as mesmas dúvidas e preocupações. É um exemplo a seguir! Desejo-lhe as maiores felicidades!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *